Consultar PIS Online

As siglas PIS (Programa de Integração Social) e PASEP (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) são conhecidas por estarem relacionadas a dois dos principais benefícios pagos pelo governo para os trabalhadores: abono salarial e seguro desemprego. A primeira sigla corresponde ao programa responsável pelos pagamentos dos privilégios de empregados do viés privado, ao passo que a segunda representa a organização encarregada pelo abono dos trabalhadores associados a empresas públicas. Mas neste artigo iremos falar diretamente sobre o PIS e sobre como consultar PIS online, confira!

Consultar PIS Online
Consultar PIS Online

Quem tem Direito?

Para ter direito aos benefícios garantidos pela inscrição no PIS/PASEP, o indivíduo deve atender a alguns pré-requisitos. Os principais são:

  • Estar cadastrado no PIS/PASEP há cinco anos, no mínimo (o trabalhador não precisa necessariamente ter sido empregado durante todo esse período, mas carece que o registro tenha essa idade);
  • Ter sido informado no RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), relatório exigido pelo Ministério do Trabalho e Emprego aos empregadores.

Além desses dois pré-requisitos necessários tanto para o recebimento do abono salarial, quanto para o embolso do seguro desemprego, o trabalhador terá direito ao abono apenas:

  • Caso ele tenha trabalhado por, no mínimo, trinta dias no ano anterior e;
  • Tenha recebido uma remuneração mensal igual ou inferior ao valor de dois salários mínimos (considera-se o valor do salário mínimo do ano em que foi executado o trabalho).

Já para que o indivíduo receba o benefício do seguro desemprego:

  • Ele deve ter sido demitido sem justa causa;
  • Ter tido suas tarefas interrompidas por paralisação do trabalhador ou ter sido impedido de exercer seu trabalho por algum órgão superior a ele.

Consulta Número do PIS

Das formas de se consultar o número de inscrição do PIS/PASEP, pode-se citar as quatro principais:

  • Pela carteira de trabalho/cartão cidadão: o número do PIS/PASEP costuma estar impresso na carteira de trabalho nas primeiras páginas. Caso a carteira tenha sido extraviada ou furtada, ainda resta a possibilidade de verificar o número de inscrição pelo cartão cidadão, caso a pessoa o tenha; o número fica impresso na frente do cartão, logo abaixo do nome do titular;
  • Pela internet: para consultas feitas pela internet, as mesmas devem ser realizadas pelo sítio eletrônico do CNIS-INSS (dataprev.gov.br). Após acessar o site, basta abrir a aba “Menu”, encontrar a opção “Filiado” e também a abrir. A página carregará um formulário, que deve ser preenchido com os dados pessoais. As informações obrigatórias requeridas são: nome do titular, número de identidade, CPF, nome da mãe e data de nascimento. Os demais dados que o formulário pede, não são de preenchimento obrigatório. Feito isto, a página carregará o número de inscrição do registrado;
  • Pelo telefone: para realizar a consulta pelo telefone, pode-se telefonar, gratuitamente, para as centrais de atendimento oferecidas pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Brasil. Quem é inscrito no PIS deve contatar o número 0800 726 0207, enquanto os inscritos no PASEP devem telefonar para 0800 729 0001. Ambas centrais funcionam apenas em horários e dias comerciais;
  • Pessoalmente: consultas também podem ser realizadas nas agências bancárias. Os possuidores da inscrição do PIS devem se dirigir às agências da Caixa, ao passo que quem tem o número de cadastro do PASEP deve se direcionar às agências do Banco do Brasil. Para que a consulta seja feita, a pessoa deve possuir consigo o CPF e a carteira de identidade.
Consulta Número do PIS pela Caixa
Consulta Número do PIS pela Caixa

✓ Veja como funciona o PIS Inativo para quem deseja sacar o benefício

Consultar PIS Online

Consultar PIS online é muito fácil, basta acessar a página de internet da Caixa, através do link servicossociais.caixa.gov.br.

  • Deve-se abrir o link no navegador;
  • Após o mesmo ter carregado, realizar o cadastro da senha, que requisita o número de inscrição do PIS/PASEP, a senha do cartão cidadão e uma senha eletrônica, de sua preferência, para ser cadastrada.
  • Após isto, resta fazer login na página, com o número de inscrição e a senha eletrônica, para que todos os dados sejam liberados.
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

PIS/PASEP Inativo 2020: Calendário de Pagamentos

PIS Inativo é o termo normalmente usado para referir ao saldo de quotas do PIS disponível para trabalhadores que tiveram a carteira assinada até outubro de 1988. Somente têm direito a sacar o saldo do benefício os trabalhadores que tiveram a carteira assinada até essa data e que nunca tenham realizado o saque do saldo do fundo inativo.

O Programa de Integração Social (PIS) e o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP), é um fundo que une esses dois programas, beneficiando os empregados do servidor público e do servidor privado, fundo esse conhecido como PIS/PASEP.

PIS PASEP Inativo 2020
PIS PASEP Inativo 2020

O fundo foi criado com alguns objetivos, como, auxiliar os trabalhadores brasileiros, garantir a eles o direito de usar o patrimônio individual, interagir e incluir o trabalhador no desenvolvimento da empresa e corrigir as desigualdades na distribuição de renda.

Quem tem Direito ao PIS Inativo?

  • Possuem direito ao saque do PIS inativo somente idosos que possuem saldo pendente na conta das quotas do PIS/PASEP.
  • Esses idosos devem ser homens com mais de 65 anos de idade e mulheres com mais de 62 anos de idade.

Os saques inativos do PIS/PASEP foram regulamentados pela medida provisória 797 de 2017. Os trabalhadores que tem direito a esse saque, começarão a receber o valor de forma automática em suas contas bancárias, isso acontecerá a partir do mês de outubro e irá até o mês de março de 2018.

De acordo com o Governo Federal, serão concedidos mais de R$ 15 bilhões desse fundo para mais de 8 milhões de pessoas, entre essas, os idosos, que serão os primeiros quotistas a receberem. Para os idosos que já possuem mais de 70 anos, o valor das quotas já está disponível para saque.

A nova informação para a medida provisória é que homens com idade igual a 65 anos ou mais e mulheres com 62 anos ou mais, que tenham recursos aplicados até 1988 também terão direito ao saque das quotas. Para facilitar ainda mais o recebimento do fundo, o Governo decidiu depositar o valor diretamente na conta de cada beneficiário.

Calendário PIS / PASEP Inativo

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil acabam de liberar as datas de pagamento do abono salarial nativo:

  • Para quem tem mais de 70 anos de idade – Dia 19 de outubro;
  • Para todos os aposentados – Dia 17 de Novembro;
  • Para mulheres a partir de 62 anos de idade e homens a partir de 65 – Dia 14 de Dezembro.

Os pagamentos do fundo serão liberados a partir do mês de outubro de 2019 até o mês de março de 2020. Antes da nova informação concedida a medida provisória, apenas idosos acima de 70 anos podiam realizar o saque das quotas.

O saque do PIS/PASEP inativo, deve ocorrer da mesma maneira que os saques efetuados por outros trabalhadores no início do ano de 2020.

Em junho do ano anterior, a média do saldo por pessoas era de R$1.187, atualmente, segundo o Governo, cada idoso tem em média R$ 750 para receber.

Consulta PIS/PASEP Inativo

Se você se enquadra dentro dos requisitos da medida provisória 797, o dinheiro estará disponível a partir de outubro. Caso você queira saber seu saldo ou se tem direito ao benefício, basta seguir os passos abaixo para consultar o PIS/PASEP Inativo:

  1. Acessar a página do PIS Inativo no portal da Caixa Econômica Federal
  2. Clique no botão “Consulte seu saldo”;
  3. Digite seu CPF e data de nascimento;
  4. Clique em “Continuar”
Consulta PIS Inativo
Consulta PIS Inativo

Outra opção é realizar uma ligação para a Central de Atendimento ao Cidadão, através dos 0800 726 0207 e clicar na segunda opção. Caso você seja um servidor público deve entrar em contato com uma agência do Banco do Brasil, órgão que administra o setor público, PASEP.

Quais os Documento Necessários

Os documentos necessários tanto para o servidor público, quanto para o servidor privado, é:

No entanto, o servidor privado deve apresentar esses documentos em uma agência da Caixa Econômica Federal, e o servidor público deve comparecer a uma agência do Banco do Brasil.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Caixa PIS 2020

O Caixa PIS é um ótimo recurso para quem precisa conhecer e esclarecer as dúvidas sobre os principais programas e convênios realizados pelo Governo Federal, a Caixa Economia Federal e o cidadão.

Se você ainda não conhece terá a oportunidade, através desse artigo, de saber do que se trata e como funciona o Caixa PIS. É só continuar comigo até o final. Vamos lá?

Caixa PIS
Caixa PIS

Caixa PIS – O que é

Através do Portal do Cidadão você ficará sabendo sobre todas as regras, alterações e condições dos principais programas que, de certa forma, está vinculado à Caixa Econômica Federal. Programas, como, por exemplo:

  • Calendário, pagamento e tabela do PIS 2020;
  • Abono Salarial e;
  • As informações sobre como é realizada a sua consulta e formas de pagamento e também as regras e condições sobre a solicitação do Cartão Cidadão.
Aplicativo Caixa Trabalhador
Aplicativo Caixa Trabalhador

Desta forma, os trabalhadores e pessoas assistidas por programas e benefícios do Governo podem obter todas as informações detalhadas em um só lugar. Além dos artigos que são bem-dispostos e trabalham cada assunto de forma separada, você ainda encontra um menu na lateral direita da sua tela onde pode navegar pelo assunto desejado e ler outros conteúdos relevantes a sua pesquisa.

Quem tem Direito ao PIS

Nem todo trabalhador tem acesso ao Abono Salarial 2020, para isso, é preciso seguir alguns requisitos do programa, como:

  • O trabalhador ter trabalhado de forma remunerada e com carteira assinada durante, no mínimo, 30 dias no ano-base de 2019, podendo ser consecutivos ou não;
  • Ter recebido no ano-base no máximo dois salários mínimos mensais, o que dá R$1.908.00;
  • A empresa empregadora deve ter entregue de forma correta o RAIS dentro do prazo;
  • É preciso estar cadastrado no programa por no mínimo 5 anos.

Qual o valor do PIS 2020?

O valor do abono salarial Caixa 2020 varia de acordo com o tempo de serviço do trabalhador no ano base. Cada mês trabalhado dá direito ao equivalente a 1/12 do valor do salário mínimo.

Para facilitar a consulta, a Caixa liberou a tabela abaixo, com as datas de pagamento do benefício.

Proporção (meses trabalhados) Valor Abono
1 R$ 84,00
2 R$ 167,00
3 R$ 250,00
4 R$ 333,00
5 R$ 416,00
6 R$ 499,00
7 R$ 583,00
8 R$ 666,00
9 R$ 749,00
10 R$ 832,00
11 R$ 915,00
12 R$ 998,00

Consulta Caixa PIS

Você pode consultar o seu saldo no Caixa PIS 2020. O passo a passo é muito simples, confira:

  • Acesse o site da Caixa: servicossociais.caixa.gov.br;
  • Caso, você não possua a senha, cadastre-a, clicando no botão “Cadastrar Senha”;
  • Informe o seu número do NIS;
  • Clique na caixa “não sou um robô”;
  • Por fim, clique em “OK”.

Que informações posso buscar no Portal Caixa PIS?

Basicamente você encontra qualquer informação desejada que esteja disponível pelo portal da Caixa para o Abono Salarial e muitos outros benefícios. No site é possível conferir:

  • Qual o valor do seu Abono Salarial Caixa;
  • Data de pagamento do seu PIS 2020;
  • Datas de pagamento do Seguro Desemprego;
  • Saldo a sacar do seu Seguro Desemprego;
  • Saldo do FGTS disponível em sua conta;
  • Informações sobre o Bolsa Família;
  • Datas de saque do seu Bolsa Família;
  • Consulta ao saldo do Bolsa Família;
  • Consulta de benefícios do INSS;
  • Entre outros.

Então, se você tem interesse em obter informações sobre o seu benefício, não perca tempo comparecendo a agência bancária, pegando fila, e sobrecarregando o sistema. Você pode conferir todas as informações de benefícios sociais do seu número do cartão do cidadão pelo portal do cidadão Caixa PIS.

Datas de pagamento do Abono Caixa (Calendário PIS)

Confira abaixo a tabela de pagamentos divulgada pela Caixa Econômica Federal. Os pagamentos devem ser realizados até o dia 30/06/2020, para que o trabalhador não perca o direito de sacar a parcela.

Nascido em ​Recebem a partir de ​Crédito em conta
​Julho ​25/07/2019 ​​23/07/2019​
​Agosto ​15/08/2019 ​​13/08/2019​
​Setembro ​19/09/2019 ​​17/09/2019​
​Outubro ​17/10/2019 ​​15/10/2019​
​Novembro ​14/11/2019 ​12/11/2019
​Dezembro ​12/12/2019 ​​10/12/2019
​Janeiro ​​​16/0​1/2020 14/01/2020
​Fevereiro
​Março ​​13/02/2020 ​​​11/02/2020
​Abril
​Maio ​​19/03/2020​​ 17/03/2020
​​Junho

Telefone PIS

Tire suas informações e consulte seu saldo do PIS também através do telefone. A ligação é gratuita, e o atendimento funciona de segunda a sexta, as 8h às 22h, e em sábados das 10h às 16h.

  • O telefone para contato é: 0800 726 0207.
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Tabela PIS 2020

Todos os anos, milhões de trabalhadores de baixa renda esperam ansiosamente pela liberação do abono salarial do trabalhador, pago através da Tabela PIS 2020. Esse benefício funciona como uma espécie de décimo quarto salário, pago ao trabalhador do setor privado, seja considerado pelo Ministério do Trabalho como de Baixa Renda.

Esse ano, além das mudanças nos critérios de pagamento do PIS, também já está disponível para consulta a Tabela PIS 2020, com as datas de saque do benefício para retirada em agências da Caixa Econômica Federal.

Tabela PIS 2020
Tabela PIS 2020

Tabela PIS 2020

A tabela de pagamentos do PIS 2020 é divulgada anualmente pela Caixa Econômica Federal, órgão responsável pelos pagamentos do PIS 2020. As datas de saque do benefício são definidas de acordo com a data de nascimento do trabalhador, e o calendário PIS 2020 de pagamentos inicia no mês de julho de 2020 e vai até o dia 30 de junho de 2021.

  • Porque os pagamentos não começam no início do ano?

Porque a caixa Econômica federal depende dos dados da RAIS, entregue pelas empresas pelo Ministério do Trabalho, que é usada como base para definir quem tem direito ao PIS 2020. Como o prazo de entrega da RAIS é até o final do mês de maio, não é possível começar os pagamentos antes disso.

  • Porque os pagamentos não são liberados de uma vez só?

Por dois motivos principais: o primeiro é que os pagamentos distribuídos ao longo do ano reduzem a lotação nas agências da Caixa Econômica Federal, evitando filas e empurra-empurra dentro do banco. O segundo é que o Ministério do Trabalho em mais tempo para averiguar possíveis fraudes de beneficiários, tornando o processo mais transparente.

  • O que acontece se eu não sacar o PIS 2020 dentro do Prazo?

Nesse caso, você perde o direito de sacar o PIS pela tabela PIS 2020. Nesses casos, o dinheiro do trabalhador volta para os cofres do Fundo de Amparo ao Trabalhador, e será usado para ajudar a financiar outros benefícios do Governo Federal.

Calendário PIS 2020

Confira abaixo as datas de pagamento do Calendário PIS 2020 e descubra quando será a sua data de saque do Abono Salarial 2020:

Datas de saque do PIS 2020 em agências da Caixa Econômica Federal
Aniversário Pode Sacar em: Até:
Julho 25/07/2019 30/06/2020
Agosto 15/08/2019 30/06/2020
Setembro 19/09/2019 30/06/2020
Outubro 17/10/2019 30/06/2020
Novembro 14/11/2019 30/06/2020
Dezembro 12/12/2019 30/06/2020
Janeiro e Fevereiro 16/01/2020 30/06/2020
Março e Abril 13/02/2020 30/06/2020
Maio e Junho 19/03/2020 30/06/2020

Valor do PIS

O valor do PIS é de até 1 salário mínimo do ano corrente em que foi liberado. O que significa que o PIS 2019 liberado para o trabalhador ainda em 2019 terá o valor do mínimo desse ano, já os abonos liberados no início de 2020 já serão pagos de acordo com o novo salário mínimo.

Confira a tabela proporcional do PIS abaixo:

Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 84,00
2 (45 a 74) R$ 167,00
3 (75 a 104) R$ 250,00
4 (105 a 134) R$ 333,00
5 (135 a 164) R$ 416,00
6 (165 a 194) R$ 499,00
7 (195 a 224) R$ 583,00
8 (225 a 254) R$ 666,00
9 (255 a 284) R$ 749,00
10 (285 a 314) R$ 832,00
11 (315 a 344) R$ 915,00
12 (345 a 365) R$ 998,00

Mas atenção: Só terá direito ao valor integral do PIS 2020 quem tiver trabalhado durante todo o ano de 2019 com a carteira assinada. Para quem trabalhou com a carteira assinada durante apenas parte do ano, ainda será possível receber o benefício, mas esse será proporcional ao tempo trabalhado no ano anterior com a carteira assinada.

Quem tem direito ao PIS 2020

Nem todo mundo terá direito a receber o abono salarial do PIS 2020. Para receber o PIS, é necessário que o contribuinte se enquadre nas 4 regras do Ministério do Trabalho (MTE) para pagamento o abono:

  1. É necessário que o trabalhador, durante o ano anterior, tenha média salarial de até 2 salários mínimos por mês, com carteira assinada. Considera-se nesse cálculo a média dos salários de todos os meses trabalhados com carteira assinada;
  2. É obrigatório que o trabalhador tenha pelo menos 5 anos de cadastro no PIS. Isso não significa necessariamente 5 anos de carteira assinada, mas sim que tenha feito o seu cadastro no PIS/PASEP há pelo menos 5 anos.
  3. É obrigatório que o trabalhador tenha trabalhado por, pelo menos 30 dias no ano anterior para ter direito a receber o abono salarial;
  4. Cobra-se também que a(s) empresa(s) em que o funcionário trabalhou tenham entregue a RAIS, que informa o tempo de serviço e o salário do funcionário, para que esse tenha então direito de receber através da tabela PIS 2020.

Consulta PIS 2020

A consulta PIS pode ser realizada de três diferentes maneiras: pela internet, pelo telefone e em agências Caixa. Confira cada uma dessas formas abaixo.

Pela Internet

A forma mais comum em que a consulta é realizada, é através da internet, no Portal Cidadão Caixa.

  • Acesse o site, clicando aqui;
  • Informe os dados necessários, como o número do NIS e senha da internet;
  • Caso você não possua a senha, poderá cadastrar, clicando em “Cadastrar Senha”;
  • Por fim, clique em “não sou um robô”;
  • E depois, “ok”.

Em Agências Caixa

Outra forma de consultar o PIS é em agências da Caixa Econômica Federal. Para realizar a consulta você precisará ter em mãos:

  • Cartão Cidadão;
  • Documento de Identidade com foto.

Você pode optar por consultar diretamente no Caixa Eletrônico ou então no atendimento do banco.

Pelo Telefone

A última opção de consulta, é através do telefone da Caixa. A central de atendimento funciona de segunda a sexta, das 8h às 22h, e nos sábados, das 10h às 16h.

A ligação é gratuita e pode ser feita através do seguinte número: 0800 726 0207.

Como Sacar o Benefício

Após realizar a consulta do PIS, e verificar o seu saldo, já será possível realizar o saque do benefício. Para isso, você pode optar por algumas das opções:

  • Ir até uma agência da Caixa Econômica Federal com seu documento de identificação com foto;
  • Ou então, ir até um caixa eletrônico com seu cartão cidadão e senha cadastrada;
  • Caso você tenha conta corrente na Caixa, o dinheiro poderá ser debitado automaticamente.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Calendário PIS 2020

O PIS é um benefício concedidos aos trabalhadores de iniciativas privadas. Ele possui o objetivo de fortalecer a renda do País, assim como intensificar a participação dos empregados na vida da empresa. O PIS é pago em diversas datas, portanto é preciso que o beneficiário fique bem informado acerca da sua data de pagamento. Um meio de ficar por dentro dessas datas é pelo calendário PIS 2020. Você sabe do que se trata? Veja o artigo abaixo!

Calendário PIS 2020
Calendário PIS 2020

Calendário PIS 2020

O calendário do PIS 2020 é um meio de comunicação no qual é informado aos beneficiários a data de pagamento do seu benefício. Os pagamentos do PIS são organizados de acordo com o número final do NIS, também conhecido como número de inscrição social. Isto foi feita para que as agências bancárias não tumultuassem com a quantidade de beneficiários tentando receber seu benefício num único dia.

Para que não perca a data de saque, é recomendado deixar o calendário num lugar visível. Para tanto você pode imprimir o calendário PIS 2020 ou também pegar um em alguma agência da Caixa.

TABELA PIS 2019/2020 CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (ATUALIZADA)
Calendário PIS 2019/2020 de pagamento para agências da Caixa:
Aniversário Pode Sacar em: Até:
Julho 25/07/2019 30/06/2020
Agosto 15/08/2019 30/06/2020
Setembro 19/09/2019 30/06/2020
Outubro 17/10/2019 30/06/2020
Novembro 14/11/2019 30/06/2020
Dezembro 12/12/2019 30/06/2020
Janeiro e Fevereiro 16/01/2020 30/06/2020
Março e Abril 13/02/2020 30/06/2020
Maio e Junho 19/03/2020 30/06/2020

Veja também a tabela do Abono Salarial 2020, divulgada pela Caixa Econômica Federal.

Quem tem direito ao PIS 2020

Para receber o PIS 2020 é preciso que o trabalhador se encaixe em algumas regras definidas pela Caixa Econômica juntamente com o Ministério do Trabalho. Na ocasião, é preciso obedecer às seguintes diretrizes:

  • Estar cadastrado no PIS por, no mínimo, 5 anos;
  • O trabalhador precisa ter trabalhado com carteira assinada por, pelo menos, 30 dias consecutivos ou não no ano-base;
  • Ter recebido uma remuneração mensal de, no máximo, dois salários mínios durante o ano-base. No caso, não é permitido ultrapassar o valor de R$
  • A empresa empregadora precisa ter entregue aos órgãos competentes a Relação Anual de Informações Sociais, também conhecida pela sigla RAIS;

* Pelas regras atuais do PIS, as Empregadas domésticas não têm direito a receber o Abono Salarial do PIS. Isso porque, como elas mantém vínculo empregatício com pessoa física, não contribuem diretamente com o PIS, portanto não tem direito ao abono salarial pelo calendário PIS 2020.

Valor do PIS 2020

Anualmente, o valor do PIS é definido de acordo com a cotação do salário mínimo. Pelo calendário PIS 2020, o valor do abono salarial foi definido em R$937. Mas vale lembrar que, desde a aprovação da Lei Nº 13.134-2015, que o pagamento do abono salarial é proporcional ao tempo de trabalho com carteira assinada durante o ano base (nesse caso, em 2019).

Dessa forma, a cada mês trabalhador com a carteira assinada durante o ano base, dá direito ao trabalhador a 1/12 do valor do Abono Salarial integral (1 salário mínimo). Por exemplo: se o trabalhador teve 3 meses de carteira assinada, terá direito a 3/12 do valor do Abono Salarial. Se o trabalhador tiver trabalhado durante 7 meses, terá direito a 7/12 do valor do Abono salarial. Se tiver trabalhado durante todo o ano com a carteira assinada, terá direito ao valor integral.

Meses trabalhados (dias) Valor do abono
1 (30 a 44) R$ 84,00
2 (45 a 74) R$ 167,00
3 (75 a 104) R$ 250,00
4 (105 a 134) R$ 333,00
5 (135 a 164) R$ 416,00
6 (165 a 194) R$ 499,00
7 (195 a 224) R$ 583,00
8 (225 a 254) R$ 666,00
9 (255 a 284) R$ 749,00
10 (285 a 314) R$ 832,00
11 (315 a 344) R$ 915,00
12 (345 a 365) R$ 998,00

Atenção: Para efeitos de cálculo do valor do Abono salarial, só se considera o tempo trabalhado com carteira assinada e para a iniciativa provada. Caso tenha trabalhado para o poder público ou para empregador doméstico, esse tempo não será computado no cálculo do valor do Abono Salarial.

Confira como receber seu abono salarial pelo Calendário PASEP 2020, e saque seu abono diretamente pelo banco do Brasil.

Empregada Doméstica tem Direito ao Abono Salarial?

Não. Pela regra atual, as domésticas, cozinheiras, jardineiros, caseiros (entre outros) que forem empregados por pessoa física não terão direito a receber o abono salarial Caixa. Isso porque o valor do abono é destinado a integrar (ou seja, melhora a relação) entre o trabalhador e a empresa. Porém, como o empregado doméstico não presta serviço para empresa, e sim para empregador doméstico (Pessoa Física), não tem direito a receber o abono salarial.

O empregado doméstico, pela condição em que trabalha e tipo de vínculo empregatício que exerce, não se enquadra em 3 das 4 regras do abono salarial:

  1. Não possui cadastro ativo no PIS, pois o empregador doméstico não é obrigado a cadastrar o trabalhador junto ao Ministério do Trabalho;
  2. Não figura na RAIS que deve ser entregue ao Ministério do Trabalho, pois a RAIS é um documento que só deve ser entregue por empresas;
  3. Não possui trabalha com carteira assinada para empresa da iniciativa privada – pois é vinculada a pessoa física.

Dessa forma, o empregado doméstico não terá direito a receber o abono salarial quando o calendário PIS 2020 for divulgado.

Como Sacar o PIS 2020

Como o PIS é um benefício administrado pela Caixa Econômica Federal, seu saque só pode ser realizado em suas agências. Você pode sacar o benefício nas agências da Caixa, correspondente Caixa Aqui e também lotéricas conveniadas à CEF. Como a Caixa é um banco que possui agências em quase todas cidades brasileiras, provavelmente, deve haver alguma próxima a sua residência.

Para sacar nos caixas de autoatendimento, basta apenas que compareça com o cartão do cidadão. Já para sacar no atendimento pessoal e também nos correspondentes Caixa Aqui e lotérica, é necessário que o beneficiário compareça portando o cartão do cidadão e também um documento de identificação com foto, podendo ser uma carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira de habilitação, entre outros.

Como Sacar o PIS
Como Sacar o PIS

Você também pode sacar em lotéricas e agências da Caixa Econômica Federal o Bolsa Família 2020, pago pelo mesmo banco, e pode ser sacado usando os mesmos documentos.

Cotas do PIS 2020

Outra forma de rendimento disponível para o trabalhador que teve a carteira assinada antes de 1988 são as cotas do PIS. Quando o PIS foi criado, em 1970, o benefício funcionava de forma diferente de hoje. Ele era depositado numa conta do trabalhador – de forma semelhante ao FGTS – e gerava rendimentos mensais e anuais, de acordo com a quantidade de dinheiro depositada na conta das cotas do PIS.

Então, se você nunca sacou seu PIS de anos anteriores a 1988, pode ter direito a sacar o rendimento das cotas do PIS. Para sacar, não é necessário respeitar as datas do calendário PIS 2020 – desde que o trabalhador cumpra algum dos requisitos listados abaixo:

  • Seja aposentado;
  • Tenha mais de 70 anos de idade completos;
  • Seja aposentado por invalidez;
  • no caso de militares, esteja na reserva remunerada ou reforma;
  • Seja portador de alguma das doenças da Portaria Interministerial MPAS/MS 2.998/2001;
  • Tenha falecido (nesse caso, a família exerce o direito de sacar as quotas do PIS).

Vale lembrar que, caso o trabalhador já tenha sacado todo o valor das cotas do PIS, não terá direito a sacar os rendimentos do Abono Salarial. Caso o saque dos rendimentos não seja efetuado, o rendimento se incorpora ao valor das cotas, e aumenta os rendimentos para anos seguintes.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Consulta PASEP 2020

Se por um lado os trabalhadores com vínculos em empresas privadas possuem o benefício do PIS, por outro, os servidores públicos possuem o PASEP 2020. Trata-se de dois benefícios bem similares, mas destinado a categorias diferentes. Por isso, o trabalhador tem que estar atento a cada detalhe para que, por exemplo, não deixe a data de saque do seu benefício passar, então foi criada uma ferramenta, a consulta PASEP. Então, quer saber o que é, como se cadastrar, o valor e como consultar PASEP? Leia o artigo abaixo.

Consulta PASEP 2020
Consulta PASEP 2020

Consultar PASEP

O PASEP 2020 pode ser consultado de várias formas. Esta é uma utilidade muito almejada pelo Banco do Brasil, que visa cada dia mais oferecer comodidade a seus clientes. O banco do brasil apresenta as seguintes formas de consulta do seu abono salarial PASEP 2020:

  • É possível consultar PASEP no aplicativo da agência, indo numa agência do Banco do Brasil portando um documento de identidade, seu Cartão Cidadão e a sua Carteira de Trabalho;
  • Também é possível ligar para a central de relacionamento do banco pelo seguinte número: 4004 0001 / 0800 729 0001.
  • Outra forma de consulta é pela tabela de pagamento do PASEP divulgada anualmente pelo Banco do Brasil informando precisamente as datas do início de pagamento. Como forma de organização, a tabela é feita de acordo com final da inscrição do PASEP.
  • Outra forma de consultar o saldo do seu PASEP é através do Aplicativo PASEP Banco do Brasil, que permite consultar o saldo do PASEP 2020 diretamente pelo Celular. Para baixar, acesse o Portal BBPasep, e clique na guia “PASEP.

Atenção: O Download do aplicativo BBPasep está condicionado à celebração de convênio com o setor de relacionamento da sua agência bancária do Banco do Brasil.

Calendário PASEP 2020

O banco do brasil também já disponibilizou à consulta ao Calendário de saque do PASEP 2020. O calendário, divulgado nas agências do Banco do Brasil, é estabelecido de acordo com o final da inscrição do PIS/PASEP do servido público – esse número pode ser conferido diretamente na carteira de trabalho, em alguns modelos mais novos de RG, e no cartão Cidadão do servidor público. Confira abaixo a tabela de pagamentos do Abono Salarial 2020 PASEP:

Final de Inscrição (dígito) Início do Pagamento
0 25.07.2019
1 15.08.2019
2 19.09.2019
3 17.10.2019
4 14.11.2019
5 16.01.2020
6 e 7 13.02.2020
8 e 9 19.03.2020
Final do Pagamento do PASEP 30.06.2020

Quem tem Direito ao PASEP 2020

O Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público é um benefício de grande importância para a vivência do povo brasileiro. Trata-se de um recurso também conhecido por abono salarial ou também décimo quarto salário. Ele tem o objetivo principal de integrar os trabalhadores com seus vínculos empregatícios. E também proporcionar uma melhor distribuição de renda em território brasileiro.

Entretanto, não são todos trabalhadores que possuem direito ao beneficio PASEP. É necessário se encaixar nos pré-requisitos definidos pelo Ministério do Trabalho e Banco do Brasil, como:

  • Estar cadastrado há, no mínimo, 5 anos no PASEP. Antes disto trabalhador não poderá ter acesso ao benefício;
  • Ter trabalhado, no mínimo, 30 dias no ano-base, podendo ser consecutivos ou não;
  • Ter recebido no ano-base, no máximo, o valor de dois salários-mínimos a cerca de suas remunerações.
  • A empresa ter entregue o Relatório Anual de Informações Sociais (RAIS) de seus funcionários.

Como se Cadastrar no PASEP

O cadastro no PASEP é muito simples e prático. Este cadastro é realizado apenas uma única vez, por isso não é necessário todas as vezes que for admitido cadastrar-se no PASEP.

Para tanto, basta ir numa agência do Banco do Brasil portando informações básicas, como: data do início de trabalho, rua, bairro, cidade, estado, CEP, telefone, razão social e também o número de inscrição no CNPJ do Ministério da Fazenda.

Como Receber o PASEP

Caso o trabalhador já seja cliente do Banco do Brasil por meio de conta corrente ou poupança, poderá receber o benefício como forma de crédito em conta. Outra forma é por meio de saque nas agências do Banco do Brasil ou crédito na folha de pagamento.

Para receber por meio de saque é preciso que porte o número do PASEP e algum documento de identificação, como carteira de trabalho, carteira de habilitação, rg ou identidade militar.

Está com alguma dúvida sobre como consultar pasep? Fale conosco pelo comentário para que possamos solucioná-las.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Consulta PIS pela Internet 2020

Consulta PIS pela Internet 2020 – O PIS é um benefício do Governo Federal oferecido aos trabalhadores da iniciativa privada que estão devidamente cadastrados no programa. Todos os anos, eles recebem o valor referente ao salário mínimo, em vigor, que podem usufruir como quiser. Este modelo de abono salarial é um incentivo para milhares de trabalhadores que tem o direito ao PIS. E, como a internet faz parte do nosso dia-a-dia, é possível realizar a Consulta PIS pela Internet 2020 sem sair de casa.

Consulta PIS pela Internet - Como consultar o PIS pela internet e aplicativos
Consulta PIS pela Internet – Como consultar o PIS pela internet e aplicativos

Além disso, existem outras maneiras de consultar o PIS, como comparecendo à agência da Caixa com o cartão do cidadão, ou até mesmo ligando para a central do Cidadão da Caixa, pelo número que indicaremos abaixo. O importante é que você não perca o direito a esse benefício, que é tão importante para a renda do trabalhador brasileiro.

Consulta PIS pela Internet 2020?

A Consulta PIS pela Internet 2020 é muito simples. Você precisará:

  • Acessar o site da Caixa Econômica Federal;
  • Depois clicar no botão, a direita de sua tela, “Consultar Pagamento”.
  • Nesta área, o sistema lhe pedirá para que informe o número do seu PIS e sua senha da internet.

Mas, se você não possui ainda a senha é fácil de conseguir uma.

  • Ainda nesta tela, informe o número do seu PIS e;
  • Clique no botão “cadastrar senha” para que o próprio sistema te direcione para uma página de cadastramento de senha da internet.
Portal do Cidadão - Consulta Pela Internet do PIS
Portal do Cidadão – Consulta Pela Internet do PIS

Nesta página, você precisará clicar em “aceito” que está na parte de baixo da tela. Ao ser direcionado, informar os seguintes dados:

  • A senha do seu Cartão Cidadão e;
  • A senha da internet que deseja criar.

Após este rápido e simples procedimento, é só confirmar a senha criada.

Ao fazer o login no sistema, você poderá consultar não só o PIS, mas também diversos outros benefícios pagos pela Caixa, como o Salário Maternidade, o Bolsa Família e o Seguro Desemprego.

Consulta PIS pelo Aplicativo

Os aplicativos facilitam a realização de diversas tarefas na internet. Para quem deseja consultar tanto o saldo ou extrato, como também o próprio calendário do PIS 2020 pode fazer a sua pesquisa na própria loja do seu smartphone.

Em sua “store” é possível encontrar o aplicativo da Caixa e o Calendário do PIS 2020 (onde também poderá consultar o PASEP 2020 e ainda saber se tem direito ou não a receber o abono). Como todo APP, basta:

  • Fazer o download em seu aparelho e;
  • Acessar para ter as informações necessárias.
Consulta PIS pelo Aplicativo
Consulta PIS pelo Aplicativo

Para utilizar o aplicativo da Caixa é necessário que já tenha o seu cadastro e/ou conta aberta na instituição para realizar as suas consultas. Ou seja, se você já tem acesso ao Internet Banking da agência economizará  tempo para obter as informações uma vez que, o PIS é de responsabilidade da Caixa.

Consulta do PIS na Agência

Ainda existem muitos trabalhadores que realizam a consulta do seu beneficio nas agências da Caixa Econômica Federal e nas Casas Lotéricas. Alguns deles preferem este procedimento por desconhecerem que é possível realizar a mesma consulta pela internet ou porque não tem acesso em casa.

Em casos como este, você precisará levar consigo:

Esses documentos devem ser apresentados no momento do Atendimento Pessoal, onde você receberá todas as informações necessárias sobre o seu PIS.

Consulta do PIS na Agência
Consulta do PIS na Agência

Mas, se você ainda não tiver o seu Cartão Cidadão é muito simples adquiri-lo. É só fazer a solicitação na Caixa. Para isso, é necessário apresentar:

 

  • Um documento de identidade;
  • Sua carteira de trabalho e;
  • Um comprovante de residência.

A solicitação do cartão é gratuita e tem um prazo, em torno, de 1 mês para que fique pronto.

Após esse período você deverá retornar na agência onde solicitou o cartão para retira-lo. Com ele em mãos, precisará fazer o desbloqueio, o qual é bastante simples: através do caixa eletrônico do próprio banco ou, se preferir, com o auxílio de um atendente.

Para Fechar

O PIS é um direito do trabalhador que serve de incentivo e o auxilia nos gastos e investimentos mais urgentes. Não perca o seu direito, afinal você receberá um abono no valor do salário mínimo em vigor, ou seja, R$ 998,00. Aproveite e faça um bom uso!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Como saber o número do PIS 2020?

Muitos trabalhadores não tem sequer ideia de Como Saber o Número do PIS, por diversos motivos, entre eles não saberem mesmo ou por terem perdido. Alguns nem se interessam em Como Saber o Número do PIS, outros simplesmente não sabem onde encontrar o número. No entanto, para que os trabalhadores recebam e tenham informações sobre seus direitos trabalhistas é necessário portar o número de identificação do PIS.

O número do benefício se encontra em alguns documentos que trabalhadores nem imaginam, como por exemplo, a carteira de trabalho, no Cartão Cidadão e até mesmo no simples comprovante de inscrição. No Cartão Cidadão é muito fácil de identificar o número do PIS, basta o trabalhador analisar a face do cartão que verá o número.

Como saber o número do PIS 2020
Como saber o número do PIS 2019

O momento que bate mais desespero nos trabalhadores por não saberem seu PIS é na hora de receber a quantia que o benefício os oferece. Pois precisam saber o número da forma mais rápida possível, caso contrário, não irão receber.

O número do PIS 2019 é um número de identificação, assim como o número do NIT – conhecido como Número de Identificação do Trabalhador – que substituirá o PIS/PASEP. Caso os trabalhadores não possuam documentos como os citados anteriormente existem outras formas de encontrar este número.

Documentos que Contém o Número PIS/PASEP

Uma das maneiras mais utilizadas para o trabalhador descobrir seu número do PIS é se informando em qualquer agência da Caixa que seja próxima ao local que ele reside. Para descobrir o número, o trabalhador deve estar portando documentos pessoais básicos, como:

  • CPF
  • Carteira de identidade
  • Certidão de nascimento
  • Certidão de casamento
  • Carteira de trabalho e previdência social.

Isso é necessário para que o encarregado do trabalho possa consultar no sistema informações e dados do trabalhador e assim conferir se o mesmo realmente está cadastrado no programa.

🔌Fique Ligado: ⚡ Confira também como realizar seu cadastro PIS 2020

Como Saber o Número do PIS pela Internet?

Outra maneira que está se destacando no frequente uso dos trabalhadores que desejam descobrir o número de identificação PIS 2020 é pela internet. Os trabalhadores tem usado essa forma cada vez mais, pois promove comodidade e conforto para os funcionários. Para saber o número do PIS através da internet, o trabalhador precisará ter em mãos alguns documentos pessoais, como:

  • CPF e RG devem estar em mãos
  • Nome Completo
  • Data de Nascimento
  • Nome da Mãe

Com esses documentos e dados em mãos, os trabalhadores devem se direcionar ao site do DATAPREV, o qual permite a consulta do número do PIS através da internet, no seguinte endereço:

  • https://cnisnet.inss.gov.br/cnisinternet/faces/pages/index.xhtml;
  • Depois que o endereço abrir, o trabalhador deverá informar os dados exigidos. Não se esquecendo de respeitar de modo cuidadoso os dados de cada documento separado para a consulta do PIS através da internet.
  • Após isso, basta que o trabalhador revise bem os dados informados com a intuição de corrigir se houver algum erro e depois, ele confirme os termos de uso do site, selecionando a opção ‘Confirmar’.
  • Depois de confirmar os dados e os termos de uso, aparecerá na tela do monitor do trabalhador uma página com os dados informados e seu número do PIS. Confirme novamente as informações. É possível imprimir ou não a página, dependendo da necessidade e vontade do trabalhador.

Vale lembrar que o preenchimento completo é optativo. Mas é indicado que a primeira área de preenchimento seja completada pelo trabalhador.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Calendário PASEP 2020: Tabela PASEP 2020 Atualizada

Anualmente o Governo Federal junto ao Banco do Brasil divulga o calendário PASEP 2020 a fim de informar os contemplados as respectivas datas que seu benefício será liberado, por isso é importante ficar atento ao calendário PASEP 2020.

Calendário PASEP 2020
Calendário PASEP 2020: Datas de Pagamento da Tabela do PASEP

O que é PASEP

O PASEP – Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, é pago todos os anos aos trabalhadores com renda máxima de dois salários mínimos. O valor pago pelo benefício é até um salário mínimo.

O PASEP é um benefício pago aos trabalhadores públicos, que se equivale ao PIS, pago aos trabalhadores de iniciativa privada.

A agência responsável pelo pagamento do PASEP 2020 é o Banco do Brasil.

Calendário PASEP 2020

Houve uma alteração no calendário do PASEP referente ao pagamento do benefício, anteriormente o mesmo era pago a partir do mês de Julho até Dezembro. Mas, desde 2015 isso mudou, atualmente o benefício é pago entre os meses de Julho e Março, de acordo com as contas do Governo Federal.

O pagamento do PASEP é determinado de acordo com o último número do benefício. Abaixo você pode conferir a tabela e entender melhor:

TABELA PASEP 2019/2020 Banco do Brasil (ATUALIZADA)
Calendário de pagamento PASEP 2020 em agências do BB
Final do PASEP: Podem Sacar em: Podem sacar até:
0 25/07/2019 30/06/2020
1 15/08/2019 30/06/2020
2 19/09/2019 30/06/2020
3 17/10/2019 30/06/2020
4 12/11/2019 30/06/2020
5 16/01/2020 30/06/2020
6 e 7 23/02/2020 30/06/2020
8 e 9 19/03/2020 30/06/2020

Quem tem direito?

O PASEP 2020 é mais um benefício do Governo Federal que contempla o servidor público brasileiro, o mesmo visa beneficiar com um salário mínimo os servidores públicos que atenderem anualmente todos os requisitos de participação do programa.

Assim como o PIS 2020, o PASEP é um benefício exclusivo do servidor público, somente está categoria recebe o benefício, desde que atenda aos requisitos estabelecidos pelo o programa a seguir:

  • Receber renda mensal per capita de até 02 salários mínimos;
  • 5 anos cadastrado no PASEP;
  • Ser servidor público;
  • Ter trabalhador no ano anterior ao vigente, pelo menos 30 dias de carteira assinada.
  • Informações atualizadas no RAIS – Relação Anual de Informações Socioeconômicas.

Todos os servidores públicos que atenderem anualmente os requisitos descritos acima, são contemplados com o programa PASEP.

Cadastro PASEP

O cadastro do trabalhador no PASEP é feito pelo empregador. É sua obrigação entregar formulários com os dados dos seus servidores.

O primeiro passo é emitir uma carta solicitando o cadastro e entregar em uma agência do Banco do Brasil. Nesta carta devem contar alguns dados:

  • Número do CNPJ;
  • Nome da razão social;
  • Informações importantes sobre a empresa como endereço, número, CEP e telefone;
  • Data do início das atividades de trabalho.

Valor do PASEP 2020

O valor do PASEP é pago de acordo com o tempo de serviço do trabalhador no ano anterior. Confira como é feito o cálculo:

  • Pegue o número de meses trabalhados no ano anterior;
  • Multiplique por 1/12 do valor do salário mínimo atual.
Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 83,00
2 (45 a 74) R$ 166,00
3 (75 a 104) R$ 249,00
4 (105 a 134) R$ 332,00
5 (135 a 164) R$ 415,00
6 (165 a 194) R$ 498,00
7 (195 a 224) R$ 581,00
8 (225 a 254) R$ 664,00
9 (255 a 284) R$ 747,00
10 (285 a 314) R$ 830,00
11 (315 a 344) R$ 913,00
12 (345 a 365) R$ 998,00

Consulta PASEP 2020

Totalmente diferente do PIS, o PASEP é administrado pelo o Banco do Brasil (www.bb.com.br), onde no próprio portal é possível obter informações e consultar o programa. Se preferir pode comparecer a uma agencia do BB mais próxima a sua residência e realizar a consulta PASEP, através do telefone de atendimento BB também é possível obter informações.

Consulta Online

A consulta online dá acesso a diversas informações do PASEP, confira como faze-la abaixo:

  • Entre no site do CNIS, clicando aqui;
  • Selecione a opção “Cidadão”;
  • Na aba superior, clique em “Inscrição”;
  • Em seguida em “filiado”;
  • Informe todos os dados exigidos;
  • Digite o texto da imagem;
  • Clique em “Continuar”.

Consulta pelo Telefone

Você também pode consultar informações sobre o benefício pelos seguintes telefones:

  • 4004 0001;
  • 0800 729 0001.

Para facilitar o atendimento esteja com seu número do PASEP e documentos pessoais em mãos.

Diferenças entre o PIS e o PASEP

É importante ficar claro que o PIS e o PASEP não são o mesmo benefício, eles possuem poucas diferenças, mas elas existem. Entenda:

  • O PIS é um benefício destinado a servidores de empresas privadas, pago pela Caixa Econômica Federal;
  • O PASEP é destinado a trabalhadores de empresas públicas, sendo pago pelo Banco do Brasil.

Consulta Número do PASEP

Se você não sabe o número do seu PASEP, pode consulta-lo tanto na carteira de trabalho, como no Cartão Cidadão. Mas, se você não possui nenhum desses documentos veja abaixo outra maneira de consulta:

  • Entre no seguinte site: https://meu.inss.gov.br/central/#/extrato
  • Na parte superior do menu, selecione “inscrição”;
  • Em seguida, clique em “filiado”;
  • Informe todos dados exigidos;
  • Informe o texto da imagem;
  • Por fim, clique em “Continuar.”

Como Sacar o PASEP 2020?

O PASEP 2020 é administrado exclusivamente pelo o Banco do Brasil, sendo possível realizar o saque somente pelo o mesmo, portanto o contemplado deve comparecer a agencia mais próxima do BB, com os seus documentos pessoais e o número do PASEP, assim, é só solicitar o saque do beneficio.

O pagamento do benefício pode ser sacado de duas maneiras confira a seguir:

  • É possível realizar o saque em qualquer agencia do banco do Brasil em área de atendimento pessoal. Para isso, é importante portar seu documento com identificação com foto.
  • Vínculo empregatício que tenha convenio com o Banco do Brasil, podem optar em receber o beneficio diretamente em folha de pagamento.

Muitos trabalhadores não sabem, mas o PASEP não é um beneficio acumulativo, ou seja, se não for sacado durante o período de vigência, que deve ser acompanhado através do Calendário PASEP 2020, não poderá ser retirado depois.

O beneficiário perde o direito ao saque e o valor que não for sacado segue para o FAT, fundo de amparo ao trabalhador, de modo que a verba é revertida no pagamento do seguro desemprego e no pagamento do salário do funcionário publico.

Sendo assim, no próximo ano sendo contemplado com o beneficio o servidor publico receberá apenas um PASEP, atente-se aos prazos de pagamento do PASEP 2020 para que você não perca a oportunidade de realizar o saque do beneficio.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Calendário PASEP 2019: Tabela PASEP 2019 Atualizada

O PASEP 2019 é um benefício pago anualmente aos servidores públicos que trabalharam nos últimos cinco anos de carteira assinada. Trata-se de uma grande mão na roda para quem precisa de um dinheiro extra para realizar aquela obra na sua casa ou comprar aquele objeto que tanto desejou.

Portanto, para que não perca o prazo de recebimento do seu benefício é necessário que fique bem atento ao Calendário PASEP 2019. Para que o servidor consiga fechar suas contas no final do ano, existe o Calendário PASEP 2019, confira abaixo mais sobre.

Calendário PASEP 2019 - Tabela de pagamentos PASEP 2019
Calendário PASEP 2019 – Tabela de pagamentos PASEP 2019
Fique atento: Confira também as datas de pagamento do Calendário PASEP 2020

Quem tem direito ao PASEP 2019

Para ter direito ao PASEP 2019 é preciso que o trabalhador obedeça à algumas diretrizes definidas pelo Ministério do Trabalho. Para receber o benefício é preciso se encaixar nesses três requisitos, são eles:

  • O servidor público precisa ter trabalhado por, no mínimo, 30 dias com a carteira de trabalho assinada no ano-base;
  • O rendimento mensal bruto no ano-base não pode ter ultrapassado o valor da soma de dois salários mínimos. No caso, o valor não pode ultrapassar de R$1750.
  • Por fim, estar cadastrado no PASEP por, no mínimo, 5 anos.

Valor do PASEP 2019

Assim como o PIS, o valor do PASEP 2019 é definido de acordo com a cotação atual do salário mínimo. Portanto, para 2019, o valor deste benefício está estipulado em R$ 998,00. Provavelmente, no próximo ano deve ocorrer uma alteração no valor do salário mínimo e esta modificada será repassada para os benefícios que são cotados com este valor.

Está procurando pelo abono salarial 2019 pago pela Caixa Econômica Federal? Clique no link para conferir tudo sobre o PIS Caixa.

Quem faz o cadastro do servidor no PASEP?

O cadastro do trabalhador no PASEP é um processo realizado pelo empregador no ato da admissão.

Além disso, o empregador deve sempre informar os dados do trabalhador na RAIS todos os anos, que é entregue ao Ministério da Economia.

Como é feito o cadastro?

A entidade pública que deseja realizar o cadastro no PASEP, deve seguir alguns passos obrigatórios. Inicialmente, emita uma carta por escrito e entregue ao agência do Banco do Brasil com os seguintes dados:

  • Data do início das atividades de trabalho;
  • Informações importantes sobre a empresa como endereço, número CEP e telefone;
  • Nome da razão social;
  • Número do CNPJ.

Calendário do PASEP 2019

O calendário do PASEP 2019 é uma forma dos beneficiários ficarem atentos a data de pagamento do seu benefício. É sempre bom ficar atento ao calendário para que não perca o prazo de recebimento. Para não aglomerar milhares de pessoas nas agências lotéricas, os órgãos responsáveis pelo PASEP organizam o pagamento de acordo com o último dígito do número de identificação social, conhecido pela sigla NIS.

TABELA PASEP 2019/2020 Banco do Brasil (ATUALIZADA)
Calendário de pagamento PASEP 2019 em agências do BB
Final do PASEP: Podem Sacar em: Podem sacar até:
0 25/07/2019 30/06/2020
1 15/08/2019 30/06/2020
2 19/09/2019 30/06/2020
3 17/10/2019 30/06/2020
4 12/11/2019 30/06/2020
5 16/01/2020 30/06/2020
6 e 7 23/02/2020 30/06/2020
8 e 9 19/03/2020 30/06/2020

Confira também as datas de pagamento do PIS 2019 e receba já o valor do seu abono salarial reajustado.

Como o pagamento do PASEP 2018 ainda está em andamento, as autoridades não divulgaram ainda o calendário do PASEP 2019. No entanto, provavelmente, os pagamentos começaram a ser efetuados no mês de julho de 2019 e devem se estender até março de 2020.

Consulta Número do PASEP

Se você não tiver o número do PASEP poderá obtê-lo nestes documentos:

  • Cartão Cidadão Caixa;
  • Carteira de Trabalho.

Também é possível consultar o número do PASEP através da internet. Siga o passo a passo abaixo:

  • Entre no site do CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais;
  • Na parte superior, clique em “inscrição”;
  • Selecione em seguida “filiado”;
  • Informe todos os dados exigidos;
  • Digite o código de segurança da imagem;
  • Clique em “Continuar”.

Também é possível consultar o número do PASEP pelo telefone, 135 da Previdência Social. Você deve informar apenas seu nome, CPF e RG.

Consulta PASEP Agência Banco do Brasil

Além da internet, você pode consultar o PASEP em uma agência do Banco do Brasil mais próxima a você com um documento de identificação em mãos.

Consulta PASEP Telefone

Você pode consultar informações sobre seu benefício através do telefone, pela central de atendimento:

  • 0800 729 0001;
  • 4004 0001.

Como é pago o PASEP 2020

O órgão responsável pelo PASEP é o Banco do Brasil, ou seja, o pagamento do benefício é efetuado por estas agências de acordo com o calendário PASEP. O benefício é pago aos trabalhadores de três diferentes formas:

  • Sacado diretamente no atendimento do Banco do Brasil, caso não seja correntista nem trabalhe em instituição com vínculo com o banco;
  • Em folha de pagamento, caso a instituição onde trabalhe tenha convênio com o banco do Brasil;
  • Diretamente em sua conta corrente, caso seja correntista do BB.

A diferença entre PASEP e PIS?

O PASEP é um benefício do trabalhador que atua em empresa do setor público. Dessa forma, o trabalhador recebe um salário a mais no ano, sendo o saque do benefício feito pelo Banco do Brasil.

Já o PIS é um benefício do trabalhador privado, para recebe-lo é preciso seguir os requisitos do programa. No entanto, o pagamento é feito pela Caixa Econômica Federal.

Como Sacar o PASEP 2019

Diferente do PIS, a organização financeira responsável pelo pagamento do PASEP 2019 é o Banco do Brasil. Portanto, para sacar seu benefício o beneficiário deve comparecer à qualquer agência do BB. Outra alternativa é recorrer as unidades dos Correios, pois eles são correspondentes bancários do Banco do Brasil.

O pagamento do PASEP 2019 é realizado de três formas diferentes. É preciso que confira atentamente para que saiba a sua:

  • Se o beneficiário possui conta corrente no BB, pode receber o valor diretamente na conta;
  • Se não possui o benefício em folha ou conta corrente, é possível realizar o saque nas agências do Banco do Brasil, na área de atendimento pessoal. Para tanto, é preciso ter documento de identificação com foto e a carteira de trabalho.
  • Caso o vínculo empregatício tenha convênio com o Banco do Brasil, pode optar por pagar o benefício diretamente na folha de pagamento.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...