Bolsa Família Bloqueado 2020

Quem conta com a ajuda do Governo e participa de algum programa social, seja ele qual for, sabe o quanto esse dinheiro é fundamental para o planejamento de uma família. Isso acontece porque, algumas vezes, uma determinada família conta apenas com esse recurso dado pelo Governo para sobreviver. Por isso, as famílias não podem perder suas fontes de renda, nem ter o Bolsa Família Bloqueado, pois caso isso aconteça, pode ser um desespero para elas.

Assim, para ajudar essas famílias, esse texto vai explicar como uma pessoa é bloqueada do Programa Bolsa Família 2020, o que fazer para realizar esse desbloqueio e em quanto tempo essa remoção é feita. Assim, caso passem por uma situação dessa vocês já sabem o que fazer e como reagir a essa falha.

Saldo Bolsa Família 2020
Saldo Bolsa Família 2020

Bolsa Família Bloqueado – Motivos e Razões

Existem algumas razões para a Caixa Econômica Federal determinar o corte dessa assistência para algumas famílias. A primeira é que essa família possa estar sendo investigada por alguma conduta irregular no processo de inscrição no programa e enquanto essa investigação estiver ocorrendo, o pagamento é cancelado até que se chegue a uma conclusão sobre a irregularidade ou não dessa família.

✓ Veja as datas de pagamento do Calendário Bolsa família 2020 pela Caixa

Uma segunda razão para o bloqueio do Bolsa Família é a falta dos filhos dessa família na escola. Já que uns dos objetivos do programa é mudar a realidade do Brasil e somente se consegue isso, com estudos, trabalhos e evolução.

Assim, caso seus filhos não estejam estudando e o MEC perceba isso, você deixa de ganhar esse benefício, até que a situação seja regularizada e os filhos voltem para a escola.

Entre os motivos citados acima, o bloqueio do benefício pode acontecer também:

  • Quando os dados dos beneficiários não estão devidamente atualizados;
  • Possuir irregularidades;
  • Famílias que possuem renda acima do valor exigido de participação no programa;
  • Mulheres grávidas, sem o pré-natal iniciado;
  • Crianças do grupo familiar com atraso no cartão de vacinação.

Consulta Bolsa Família Bloqueado

É possível ter informações sobre o benefício, através da consulta Bolsa Família, siga o passo a passo:

 

Como Desbloquear o Bolsa Família

A primeira atitude a ser tomada é ir até uma Agência da Caixa Econômica Federal e descobrir o porquê do seu benefício ter sido cortado, conforme a razão, existem diferentes maneiras de desbloquear o Bolsa Família.

Se a razão do bloqueio for pela falta dos filhos na escola, você pode comprovar que já regularizou essa situação, mostrando algum documento que comprove que os filhos voltaram a estudar, assim, a Caixa retira o seu nome do bloqueio e você volta a ser agraciado com o Bolsa Família 2020.

Como Desbloquear o Bolsa Família
Como Desbloquear o Bolsa Família

Para quem estiver com algum dado errado no cadastrado do Programa, basta ir até a subprefeitura da sua cidade e atualizar os dados, assim, você volta a receber os benefícios sem nenhuma burocracia ou complicação.

Agora, caso tenha sido comprovada alguma irregularidade na sua inscrição, não há nada que possa ser feito e a única opção de receber o benefício, é refazendo todo o cadastro e sendo selecionado novamente para participar do programa.

Lembrando que quem estava bloqueado por até três meses, não perde esse valor, já que quando o desbloqueio for realizado, esse valor vai ser pago junto com as demais parcelas a serem recebidas, não sendo necessário aguardar a data de liberação do Calendário Bolsa Família 2020. Por isso, é importante averiguar a sua situação rapidamente e caso tenha algum erro, corrigi-lo antes que ele afete o recebimento das Bolsas.

No momento do desbloqueio é importante ter consigo alguns documentos, como:

  • Certidão de nascimento para todas crianças que não possuem RG e CPF;
  • CPF do Responsável Familiar;
  • Cartão de vacinação para crianças até seis anos;
  • Carteira de Trabalho atualizada;
  • Comprovante de residência recente, de preferência com de água ou luz;
  • RG do Responsável pelo cadastro;
  • Título de eleitor do Responsável Familiar;
  • Declaração de frequência escolar para as crianças, emitida pela escola.
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *